Qual é o momento certo para dar entrada no processo de certificação por competência?

Está passando por mudanças na carreira, mas ainda não sabe se é o momento certo para dar entrada no processo de certificação por competência ou ainda não conhece essa comodidade? Prepare-se para sanar todas as suas dúvidas agora! Vamos explicar todos os passos da certificação por competência profissional e indicar quais são as principais situações em que o processo para conquistar um diploma técnico é indicado.

O que é a certificação por competência? 

Você provavelmente já conheceu alguém ou é uma daquelas pessoas que trabalhou por anos em uma determinada profissão, conhece tudo da área e, inclusive, ensinou muito da prática profissional para os colegas com diploma técnico. Porém, quando chegou a hora de provar a sua habilidade ou de conquistar novas oportunidades de trabalho, descobriu a exigência do documento. Frustrante, não é mesmo? 

mento. Frustrante, não é mesmo? 

Foi justamente buscando reconhecer o diferencial da experiência prática no mercado de trabalho e para proporcionar novas oportunidades de trabalho que surgiu a certificação por competência profissional. O processo leva em consideração todas as suas habilidades e experiências conquistadas no decorrer da carreira para avaliar e certificar o candidato com o diploma técnico.

Mas, afinal, qual é o momento certo para dar entrada no processo de certificação por competência? Descubra a seguir.

Busca por melhores salários ou promoção

Se você tem uma ampla experiência prática, mas não está conseguindo alavancar a sua carreira, talvez você esteja no momento ideal para dar entrada no processo de certificação por competência. As maiores empresas do país costumam exigir uma comprovação documental para novas oportunidades de trabalho, além dos processos de seleção interna ou até mesmo para garantir uma futura promoção. 

De acordo com um levantamento realizado pelo site de classificados de empregos Catho, alguns técnicos, quando chegam a cargos de gestão, podem garantir uma renda mensal de até R$ 8.000,00. Com a certificação por competência, é possível conquistar o diploma técnico em até 3 meses e, consequentemente, reivindicar melhores salários e posições.

Transição de carreira

A transição de carreira é um momento delicado para qualquer profissional, isso porque implica mudanças e também a necessidade de assumir vários riscos para seguir um novo caminho profissional, muitas vezes mudando até de área de atuação. Conforme aponta a pesquisa Re:Trabalho 2020, 63% dos entrevistados já mudaram de carreira e 48% pretendem trocar em 2021.

Os motivos para a busca de novas oportunidades de trabalho são os mais variados possíveis e vão desde a insatisfação com o salário e benefícios da profissão, falta de oportunidades e até mesmo a descoberta de novos interesses. Para todos esses casos, o processo de certificação por competência é indicado, afinal, o diploma técnico é a prova documental de que você está capacitado para a nova profissão.

O IETAAM oferece a certificação por competência para 29 áreas de atuação, ou seja, é ideal para quem possui habilidades práticas que não estão relacionadas com a sua formação inicial e às pessoas que não possuem tempo hábil para mais alguns anos dentro de uma formação convencional, afinal, já possuem experiência e precisam realizar a transição de carreira o mais rápido possível.

Profissionais em busca de empreender

Se você está em busca de empreender, também pode ser o momento certo para dar entrada no processo de certificação por competência. Afinal, dependendo do ramo da sua empresa, ter um diploma técnico, além do registro profissional nos órgãos de classe, é o requisito mínimo para poder assinar determinados documentos e, assim, oferecer serviços específicos.

O José Eduardo Barbosa de Macedo é um desses empreendedores. Engenheiro eletricista, ele inaugurou a Intelect Tecnologia no final de 2019 e a certificação por competência em telecomunicações foi fundamental para que ele pudesse implementar outras soluções para os seus clientes.

Novas oportunidades de trabalho

Quem está em busca de novas oportunidades de trabalho também pode garantir um diferencial no currículo com um diploma técnico. Afinal, faltam profissionais de nível técnico no país. É o que aponta a reportagem do jornal O Globo, de julho de 2021. 

De acordo com a matéria, o Brasil forma apenas 11% (dos alunos) em ensino técnico, enquanto a União Europeia forma 42% dos estudantes. O que faz com que mesmo com quase 15 milhões de desempregados no país, conforme apontam os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE),  as indústrias ainda tenham dificuldades para preencher vagas técnicas.

O Carlos Evandro transformou a carreira, conquistando uma nova oportunidade de trabalho após conquistar o diploma de técnico em eletrotécnica com o IETAAM, inspirando outros profissionais que também passam por esse momento de busca por recolocação

Aprovação em concursos públicos

Pouca gente sabe, mas um dos pré-requisitos para a aprovação em concursos públicos é a prova de títulos. Essa etapa tem a função de verificar as suas qualificações. O diploma técnico pode elevar a sua classificação para determinadas oportunidades e garantir a sua aprovação. 

A grande vantagem da certificação por competência nesses casos é que você pode se inscrever para diversos concursos públicos de nível técnico, que oferecem melhores remunerações, e ainda comprovar a sua experiência de forma simples e rápida. 

Foi assim que o Guilherme Tomasoni descobriu o IETAAM. Ele queria prestar um concurso público de nível técnico, mas precisava do diploma para comprovar as habilidades que já havia adquirido. Barreira que foi vencida com a certificação por competência em técnico de controle ambiental.

Quem pode fazer a certificação por competência?

Os profissionais interessados em conquistar um diploma técnico precisam ter concluído o ensino médio, ter mais de 18 anos e ainda 2 anos ou mais de experiência comprovada em carteira. Além disso, também são válidas para essa comprovação as formações relacionadas à área de interesse, contratos de prestação de serviços, entre outras declarações que comprovem suas habilidades.

Atendendo a esses pré-requisitos, basta dar entrada preenchendo o formulário e passar pelas duas etapas do processo: a prova de títulos (análise documental) e a prova objetiva. Após aprovado, o candidato precisa realizar o pagamento da taxa de certificação, solicitamos o seu registro junto Sistec/MEC para que o seu diploma técnico seja emitido e disponibilizado nas versões física e digital. Além disso, com o documento em mãos é possível realizar o registro nos órgãos de classe e desfrutar de todas as possibilidades disponíveis para a nova fase da carreira.

O Instituto de Educação Tecnológica da Amazônia (IETAAM) [link para o vídeo que explica o que é o IETAAM] possui mais de 30 anos de história e é a única instituição de ensino do país apta a realizar o processo, assegurando a validade da certificação. Entre em contato e descubra como é fácil validar suas experiências e fazer a diferença.

Desenvolvido pela KAKOI